Araucária, 25 de dezembro de 2011

NOTÍCIAS

CME incha turmas da Educação Infantil. Vai decidir para o Fundamental

O CME cedeu à Smed e ampliou o número de crianças por sala na Educação Infantil. Sismmar convoca os professores para sexta-feira, 22, 9h, irem à Escola de Gestão e impedirem o aumento de estudantes por turma no Ensino Fundamental

Na sessão realizada na terça-feira, 19, o Conselho Municipal de Educação de Araucária pôs em votação o pedido da Secretaria da Educação para aumentar o número de crianças por sala, na Educação Infantil. Por oito votos contra três foi ampliado de 16 para 19 o número máximo de crianças no pré II.

A medida não recomenda o aumento do número de professores e educadores infantis nas turmas. Faltou ao CME considerar a necessidade de se oferecer condições para os profissionais atenderem as crianças com qualidade.

Após encerrada a sessão, presidida pela representante da SMED Claudineia Vischi, foi marcada nova reunião extraordinária para esta sexta-feira, dia 22, às 9 horas. A SMED também quer aumentar a quantidade de estudantes por turma nos três primeiros anos do Ensino Fundamental.

Se aprovada, a alteração elevará de 20 para 23 o número de estudantes nos 1° e 2° anos, e de 25 para 28, no 3° ano.

O governo tem pressa. E não é esta a primeira vez que assunto de interesse público, em especial do Magistério, é votado sem o devido aprofundamento, em data próxima do Natal.

Na sexta-feira, dia 22, às 9 horas, estão todos convocados para irem à Escola de Gestão, onde se reúne o CME.

Mostre que você não concorda com o aumento de alunos nos anos iniciais.

Vale trazer cartazes e apitos!

Vamos fechar o ano mostrando que quem luta pela qualidade na educação pública luta até nas férias! FIRMES!